este é o meu bloco de notas numa aventura asiática

sexta-feira, abril 29, 2005

there is something about Portugal

Um belga disse-me um dia, num jantar, ficar surpreendido ao ver o modo entusiasta com que os portugueses falam do próprio país. Quer dizer, diz ele, eu gosto da Bélgica mas não da maneira como vocês gostam de Portugal. “What is it about the Portuguese?” pergunta-me. Eu rio-me a pensar que please, nem me compares a Bélgica com Portugal e respondo, “No! What is it about Portugal?” e todos riem.
Mas depois fiquei a pensar… Portugal não é propriamente conhecido por ser um país de nacionalistas (é só entrar num autocarro e ouvir o rrrooollll de coisas erradas no nosso país e a culpa é do governo bla bla). Portugal é pobre, temos salários de miséria e um custo de vida mais alto que o suposto. Então, o que há realmente em Portugal que nós gostamos tanto? O que é que faz o emigrante voltar? O que é que faz 10 milhões não sairem? Falta de oportunidade? Família e amigos? E o que é que nos faz falar tão bem de Portugal no estrangeiro? Orgulho? Ou Amor? Ou pronto... é o nosso fado?! :)
Coitado o rapaz é belga e sofre, juntamente com muitos outros países ignorantes (ou seja, todos) dum ligeiro complexo de superioridade sobre Portugal. Se vocês soubessem o que já me perguntaram... Se ouvimos drum&bass em Portugal (um alemão)... Se as casas são de pedra... se usamos betão... Porque é que eu falo tão bem inglês... Uma infinidade de barbaridades às quais eu respondo que não, nem casas como deve ser temos, vivemos em grutas e todo o país fez uma colecta para me enviar para o Japão, mas antes para Londres para não fazer má figura. Não há electricidade e puxamos água dos poços.
Hás vezes não há paciência.

4 Comments:

Blogger Joana said...

é o sol, a luz, Lisboa, as praias, os velhos a jogar às cartas no jardim, os amigos, o Lux, o oceanário, o Tejo.... e eu!!!

9:48 da manhã

 
Blogger Angela said...

Quando defendemos o país, fazemo-lo como feras, porque não se admite um desconhecido dizer mal dele! Mas, entre nós, podemos enxovalhá-lo e fazêmo-lo todos os dias. Dentro de portas, é só maus tratos. :(((

11:39 da manhã

 
Blogger El Mono said...

Brilhante!

7:35 da tarde

 
Blogger A musa said...

Espanta-me que saibam onde fica Portugal. No México, tive de explicar a nativos (e a alguns norte-americanos) que sim, Portugal existe. Não, Portugal não é uma província de Espanha. Quando desesperava recorria ao seguinte truque: "Figo? Estás a ver o Figo?". Resultou sempre.

7:22 da tarde

 

Enviar um comentário

<< Home